Então, vem cá, quer dizer que você é orgulhoso demais? E que sentiu minha falta? Então deixa eu te contar uma história: você precisa agir, colocar pra fora isso, sei lá o quê, que você sente. Qual o seu conceito pra amizade e amor? Vou te contar, eu me apeguei e me afastei e você me diz que eu fiz errado em relação a nós? Mas você nem me procurou. A cada dia eu contava as datas e todos aqueles números no calendário me fez perceber que já era hora de seguir em frente, mas eu te amava como amigo também e isso foi no ralo do banheiro no dia que decidi te contar isso ( o dia em que eu falei em alto e bom som que não sentia mais nada por ele e o melhor de tudo, pra ele). E lá se foi outro dia. E quer saber o que é o mais estranho? Eu te perdoar por toda aquela dor que passei, por não acreditar quando você diz que sentiu minha falta e continuar sendo sua amiga. É, esse caminho é confuso eu sei, então desculpa se eu não acreditar ou não fazer de você minha prioridade nesse momento, mas as coisas mudaram, aquelas datas mudaram e principalmente eu e você. A história mudou, mas você vai continuar orgulhoso e sentindo minha falta nela.

Deixe um comentário