Livro: Amazônia - Arquivo das Almas
Autora: Paul Fabian
Editora: Isis
Páginas: 331
Tempo de leitura: 10 dias

Sinopse: Em um futuro não muito distante um casa de oficiais, Vitã e Helena, participam de várias campanhas militares. Em todas as oportunidades lutam para defender a grande floresta Amazônica. Eles não imaginam que uma nova missão irá lança-los na mais espetacular e perigosa das aventuras. O grande enigma começaria dentro da Amazônia, um lugar inóspito e assustador repleto de mistérios e grandes perigos. Após vários confrontos se deparam com as cavernas de Abissínia, na Colômbia, onde encontram a origem do verdadeiro mal e descobrem antigos segredos gravados em inscrições cuneiformes, registradas por outras civilizações pré-diluvianas.

Uma história futurista onde a tecnologia se mistura com a natureza, formando um cenário bem filme de ficção que eu adoro. Narrada em terceira pessoa, o livro conta a história de Vitã e Helena, dois majores do exercito brasileiro que tentam preservar o único lugar do mundo que ainda está com a fauna e flora "intacta". Para proteger os nativos que ali vivem (os índios), o governo criou o centro de pesquisa e defesa chamado Codajás, a tecnologia é muito avançada e evidente em todos os aspectos, armas, máquinas e segurança.

Vitã é um oficial extremamente autoconfiante e que ajuda sempre que é chamado, conhecido como Trovão entre os nativos que conhece desde pequeno, sempre mostrando que não há diferenças entre os dois povos.

Helena adora seu trabalho na força aérea, mas seus relacionamentos são um desastre. Uma mulher determinada e competente que adora a tia que mora no Rio de Janeiro, dona Ena. 

Suas vidas são totalmente diferentes, mas o destino dos dois se esbarram quando são enviados para uma missão secreta, porém um desentendimento vai abalar essa relação logo no inicio da missão. Juntos vão unir forças para destruir todos os perigos que enfrentarão nessa jornada e derrotar o inimigo. O imperador Lugaleshi Sharrukin quer a todo custo apoderar-se de uma arma descoberta e que pode destruir de vez com a paz e o equilíbrio da Terra.

Todos os personagens são maravilhosos, a leitura te prende do inicio ao fim, eu vi que o autor escreve com muitas influências como: Star Wars, Star Trek, uma pitadinha de Indiana Jones que eu adoro, a diagramação do livro também é ótima, sem contar a capa do livro né: LINDA e com muitos spoilers! 

Pra quem gosta de livro de ficção científica com bastante cenas de combate, um vilão que quer dominar o mundo e missões secretas e alienígenas esse livro é perfeito pra você, inclusive na minha opinião daria um baita filme, cruzando os dedos pra que isso aconteça um dia. O que mais me chamou atenção foi a ideia geral do Paul em escrever essa história, uma obra digna de vários prêmios escrita por um autor brasileiro, isso me deixa mais que feliz, os autores nacionais estão ficando cada vez melhores e com temas cada vez mais intrigantes!


"Antigos espíritos dizem que o coração da floresta será ameaçado, como nunca fora antes. Daqui a algumas luas, grande demônio da nuvem negra tentará destruir mãe floresta e nossos irmãos. Haverá grande batalha no céu, e guerreiros da luz, guerreiros da grande torre, terão de lutar contra o mal eterno que se aproxima!"



"Vivemos em um planeta onde o forte sempre domina o mais fraco. Como haveria fronteiras e cidades, se não houvesse escravidão? Como as leis surgiriam, se o mais poderoso não tivesse ditado?"

É isso gente, espero que tenham gostado e até a próxima :) 


Deixe um comentário